18 de set de 2009

Resultado Prêmio Cornélio Campina


O concurso teve como objeto a seleção e a premiação de projetos de grupos tradicionais da cultura popular do Rio Grande do Norte, em atividade há pelo menos cinco anos. Por manifestações tradicionais compreendem-se celebrações, rituais, festas e práticas sociais reconhecidas pelas comunidades como parte de seu patrimônio cultural. O Prêmio homenageia o ex-mestre do Grupo Araruna, Cornélio Campina, criador da Araruna Sociedade de Danças Antigas e Semi-Desaparecidas, que é atualmente a mais tradicional agremiação folclórica de Natal. O Mestre Cornélio faleceu em agosto do ano passado.


Confira a relação dos selecionados abaixo:


1. Araruna Associação Dança Antigas e Semi-Desaparecidas – Rocas – Natal
2. Bambelô da alegria – Sérvolo Teixeira de Moura – São Gonçalo do Amarante
3. Boi Calemba de Mestre Elpídio – Elpídio Alexandre da Silva – Parnamirim
4. Boi Calemba Pintadinho - José Veríssimo Pereira– São Gonçalo do Amarante
5. Boi de Reis de Baile: Os Reis do Oriente – José Clemilson dos Santos – Santa Cruz
6. Boi de Reis de Cuité – José Cândido da Silva - Pedro velho
7. Boi de Reis de Dona Cecília – Cecília de Melo Gonçalves – Extremoz
8. Boi de Reis de Zé Barrá – Francisco Manoel Inácio – Murici – Extremoz
9. Boi de Reis Estrela do Oriente – Francisco Pereira da Silva - Felipe Camarão – Nata
10. Boi de reis Pintadinho – Pedro Carlos de Lima- Vila de Ponta Negra – Natal
11. Lampião de Arêz – Luiz Carlos Figueira Ferreira – Arêz
12. Coco de roda – Maria das Dores do Nascimento – Extremoz
13. Congos de Calçola – Pedro Correia – Vila de Ponta Negra – Natal
14. Rabequeiro – Damião Cosme de Oliveira – Laranjeira do Abdias – São José do Mipibu
15. Dramas – Maria José dos Santos – Maxaranguape
16. Esculturas em Madeiras de Neném de Chicó – Francisco de Azevedo – Jardim do Seridó 17. Irmandade de São Sebastião – Negros do Rosário – Jardim do Seridó
18. Lapinha – Zeneide França – Vila de Ponta Negra – Natal
19. Lapinha de Maxaranguape - Maria conceição de França – Maxaranguape
20. Bambelô Maçariquinho da Praia – Sebastião Matias -Vila de Ponta Negra – Natal
21. Maneiro Pau de Dr. Severiano -
22. Pastoril Dona Joaquina – Maria Natividade de Lima Costa - São Gonçalo do Amarante 23. Congos de Calçolas – Lucas Teixeira de Moura - São Gonçalo do Amarante
24. Rei de Congo do Mestre Dedé – Francisco de Assis Silva – Major Sales
25. Rendeira da Vila – Maria de Lurdes de Lima – Vila de Ponta Negra – Natal

Um comentário:

  1. É uma vergonha e um escândalo, que o Estado gates mais de 500 mil reias para realização de Autos natalinos cheios de pompas e efeitos visuais, mas até o presente mês de dezembro, não tenha pago aos Grupos Folclóricos comtemplados com o Prêmio Cornélio Campina. O que que o Sr. Dimas Carlos tem que os representantes legítimos da cultura potiguar não têm. Será que eles também terão que se tornar mercenários e aproveitadores da cultura????
    Para ser mais absurdo, vergonhoso e escandaloso o Estado, sequer, convidou nenhum dos 25 comtemplados com o prêmio para se apresentarem.
    Isso "é uma vergonha".

    ResponderExcluir

Abra a boca!