20 de out de 2010

Os Simpsons e a Religião



Via Yahoo.com.br


ROMA (AFP) - Assistir aos "Simpsons", famosa série animada americana, "pode nos ajudar" espiritualmente, afirmou à AFP o padre jesuíta Francesco Ochetta, autor de um estudo "Os Simpsons e a Religião".

"Eu diria que os Simpsons estão abertos à questão de Deus. Os autores criticam ferozmente certos religiosos, mas respeitam a fé, a abertura para Deus, a oração e o fato de ouvir a prédica religiosa a cada domingo, mesmo que eles durmam ou comam pipoca durante o ato", acrescentou o jesuíta.

Ele não concordou, no entanto, com a interpretação de seu estudo feita recentemente pelo jornal do Vaticano Osservatore Romano, que deduziu que os membros desta família americana excêntrica de pele amarela eram católicos.

"Não acredito absolutamente nisso. Não diria que eles sejam católicos, diria que possuem fé", declarou o religioso que escreve para a revista dos jesuítas La Civiltà Cattolica.

A fé católica da famosa família já havia sido desmentida pelo produtor da série, Al Jean, durante uma entrevista a Entertainment Weekly.

Ochetta acrescentou que assistia regularmente à série e tirava importantes lições espirituais e de vida das aventuras da família.

"Assisto aos Simpsons e eles me ajudam a compreender o mundo atual", concluiu o padre.

Criada por Matt Groening, a série dos Simpsons, transmitida desde 1989 pelo canal Fox, já ganhou dezenas de prêmios. Em dezembro de 2009, L'Osservatore Romano já havia dito que os Simpsons ofereciam uma imagem "simpática" da religião, mas lamentava "a excessiva linguagem grosseira".

Um comentário:

Abra a boca!